quarta-feira, 22 de maio de 2013

Pesquisadores brasileiros anunciam descoberta de estrela gêmea do Sol

http://oglobo.globo.com/in/8462984-71e-25e/FT500A/sol.jpg

Estrela CoRot Sol 1 é cerca de dois bilhões de anos mais velha que o Sol.Para cientistas, análise do astro ajuda a prever futuro do Sistema Solar.
Pesquisadores da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN) anunciaram a descoberta da CoRot Sol 1, nome dado à estrela gêmea solar conhecida como a mais distante da Via Láctea, galáxia que abriga o sistema solar. De acordo com os cientistas, a análise do astro ajuda a prever o futuro do Sol, além de dar aos astrônomos a oportunidade de testar as atuais teorias da evolução estelar e solar.

http://s2.glbimg.com/LeW9U2DxSyYrZD0X2OvaV79a9xQ=/620x465/s.glbimg.com/jo/g1/f/original/2013/05/21/corot-sol-2.jpg
Onde está escrito Órion pode observar na imagem as Três marias,se você sabe a posição delas na noite com essa imagem poderá deduzir onde a Corot 1 Sol está
O líder da equipe de pesquisadores, José Dias do Nascimento, explica que a CoRoT Sol 1 é cerca de 2 bilhões de anos mais velho que o Sol, e seu período de rotação é aproximadamente o mesmo da maior estrela do sistema solar. "É a única estrela com essas características que é mais velha do que o Sol", informa o astrônomo. A massa e composição química de ambas é semelhante, conforme o estudo desenvolvido na UFRN. No entanto, ao contrário das outras gêmeas solares, que são relativamente brilhantes, o brilho da CoRoT Sol 1 é 200 vezes mais fraco do que o do Sol.
http://g1.globo.com/platb/files/21/2013/01/corot.jpg
Satélite CoRoT
O fato de a estrela gêmea estar em um estágio ligeiramente mais evoluído que o Sol será utilizado para análises sobre o futuro do Sistema Solar. "Em 2 bilhões de anos, na idade que o Sol terá a idade atual da gêmea solar CoRoT Sol 1, a radiação emitida pelo Sol deve aumentar e tornar a superfície da Terra tão quente que a água líquida não poderá mais existir lá em seu estado natural", comenta Nascimento. As informações analisadas pela equipe foram captadas por uma satélite CoRoT, lançado em 2006 e operado do Havaí, nos Estados Unidos.
http://3.bp.blogspot.com/_oZOg6YjBvWk/TS4gEp7sZZI/AAAAAAAAGwM/Mq6Ud5f_r1Y/s1600/2_ea45d407464016449ae70ed58d90b321.jpg
Esse é o telescópio subaru situado no Havaí a 4139 metros de altura
Os astrônomos ponderam que determinar a idade de uma estrela é, provavelmente, um dos aspectos mais difíceis da analise, porém espectros de alta qualidade podem ajudar a determinar as idades estelares. O grande espelho de 8,2 metros e a precisão do telescópio Subaru foram essenciais para tornar possível a realização do estudo dos espectros da estrela gêmea.     
Satélite captou 530 mil estrelas:
 
http://4.bp.blogspot.com/_Z6v4nJhpbTU/TUcoItG8Q7I/AAAAAAAAECw/rAjQU86a-E0/s1600/sol07.jpg
Foto do nosso Sol,a CoRoT Sol 1 deve ser muito semelhante
A equipe planeja usar o Subaru para continuar a investigação sobre novas estrelas similares ao Sol. "Nos últimos 30 anos, apenas cinco estrelas foram descobertas", informa José Dias do Nascimento. De acordo com o astrônomo, o satélite forneceu a observação de 230 mil estrelas. Usando um método criado na própria UFRN, foram escolhidas as candidatas a gêmea.
"Sobraram 500 estrelas e, dessas, pedimos para observar 30. Analisamos quatro e duas se apresentaram muito parecidas com o Sol, com a diferença que em uma delas o espectro não ficou bom e na outra fico excelente, muito parecido com o Sol. Isso tornou a descoberta ainda mais preciosa", detalha Nascimento, que continuará a investigação. "Agora vamos atacar outras estrelas. Queremos achar a estrela gêmea dois, três e daí por diante".

Pesquisa e descoberta:
 
 
http://www.riograndedonorte.net/wp-content/uploads/2012/03/centro-de-tecnologia1.jpghttp://3.bp.blogspot.com/-btpURMl-mXg/UGb8-j6TCCI/AAAAAAAAMvw/iDNGnskVRBQ/s1600/ufrn.jpgO anúncio da estrela gêmea solar foi feito na última sexta-feira (17). A descoberta faz parte do artigo intitulado “"The Future of the Sun: An Evolved Solar Twin Revealed by CoRoT", que está aceito para publicação e sairá em breve na revista "Astrophysical Journal Letters" (ApJL).
A equipe de cientistas responsável pela descoberta é composta por José Dias do Nascimento, da UFRN, que lidera o grupo; Jefferson Soares Costa e Matthieu Castro, também da UFRN; Yochi Takeda, do Observatório Astronômico Nacional do Japão (NAOJ); Gustavo Porto de Mello, do Observatório do Valongo da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) e Jorge Melendéz, da Universidade de São Paulo (USP).

terça-feira, 21 de maio de 2013

Meteoroide atinge a Lua e produz maior explosão já observada na Era moderna

http://info.abril.com.br/images/materias/2013/05/lua-20130517131055.jpg

Um intenso flash de luz foi provocado pelo impacto de uma rocha de 40 quilos que atingiu a região conhecida como Mar das Chuvas. De acordo com os pesquisadores, o brilho foi tão forte que pode até ser notado até mesmo à vista desarmada. 

http://imgs.cmjornal.xl.pt/2013-05/2013-05-18132256_CA967162-B341-4FEB-88DD-FECB0766BF67$$738d42d9-134c-4fbe-a85a-da00e83fdc20$$8146f165-39a9-4aee-bf8e-3aa951a420e6$$odia_imagem_grande$$pt$$1.jpg

O impacto ocorreu no dia 17 de março de 2013( Somente agora a NASA liberou as imagens) e o primeiro alerta do choque do meteoroide foi emitido pelo MSFC (Marshall Space Flight Center), da Nasa, após uma análise rotineira das imagens registradas por uma das redes de telescópios robóticos.
De acordo com o cientista Bill Cooke, diretor do Escritório de Monitoramento de Meteoroides da Nasa, o flash registrado era pelo menos 10 vezes mais intenso que qualquer outro já observado. Durou cerca de 1 segundo e atingiu o brilho de uma estrela de magnitude 4.
"Qualquer pessoa que estivesse observando a Lua naquele momento poderia ter visto o brilho", disse o analista do MSFC, Ron Suggs. 

http://blog.cienctec.com.br/wp-content/uploads/2013/05/frames.jpg
Impacto na Lua registrado de quadro em quadro

Cálculos posteriores indicaram que o impacto foi produzido por uma rocha de cerca 40 centímetros de diâmetro e 40 quilos de massa. Com a velocidade estimada em 90 mil km/h, a energia liberada no choque foi equivalente a 5 toneladas de TNT.
Após a confirmação, controladores da missão da sonda LRO (Lunar Reconnaissance Orbiter) foram notificados e passaram a monitorar a região do impacto. Para os especialistas, o meteoroide pode ter criado uma cratera de cerca de 20 metros, o que a tornaria um alvo fácil para ser registrado pela nave quando passar sobre o local indicado. 

 http://imguol.com/2013/05/17/17mai2014---em-17-de-marco-de-2013-um-meteorito-atingiu-a-lua-e-causou-uma-forte-explosao----10-vezes-mais-brilhante-do-que-qualquer-outra-ja-vista-a-lua-e-atingida-por-meteoritos-o-tempo-todo-mas-1368832185385_900x500.jpg

 Monitoramento da Lua:



http://www.bbc.co.uk/worldservice/assets/images/2010/03/02/100302093632_chandrayaan1_226x283_nocredit.jpg
Uma sonda como essa na Lua,achou a cratera mais nenhuma imagem original foi postado
Para Cooke, esse impacto lunar fez parte de um evento muito maior.
"Na noite de 17 de março, câmeras de céu amplo (All Sky Câmeras) da NASA e da Universidade Western Ontario registraram um número atípico de meteoros penetrando a atmosfera da Terra. Essas bolas de fogo viajavam ao longo de órbitas quase idênticas entre a Terra e o Cinturão de Asteroides, o que significa que a Terra e a Lua podem ter sido bombardeadas pelo mesmo enxame de meteoroides", explicou Cooke.
Um dos objetivos do programa de monitoramento lunar é identificar novas esteiras de fragmentos que possam representar algum risco dentro do sistema Terra-Lua. Como os dois eventos parecem estar relacionados, o impacto do dia 17 de março parece preencher os critérios do programa. 

Apolo11.com - Todos os direitos reservados





sexta-feira, 10 de maio de 2013

Nikola Tesla: Um gênio que a ciência deveria agradecer

https://upload.wikimedia.org/wikipedia/en/thumb/d/de/Tesla_aged_36.jpeg/220px-Tesla_aged_36.jpeg

Se não fosse por Nikola Tesla, possivelmente você não estaria lendo este texto agora na tela do computador e, ainda mais, nenhum equipamento eletroeletrônico existiria.
Entre suas contribuições para o avanço do mundo moderno estão o desenvolvimento do rádio, demonstrando a transmissão sem fios em 1894, robótica, controle remoto, radar, ciência computacional, balística, física nuclear e física teórica.
http://upload.wikimedia.org/wikipedia/commons/thumb/d/d4/N.Tesla.JPG/200px-N.Tesla.JPG

Suas idéias no mundo foram tão revolucionárias que o Estado de Nova York e muitos outros estados nos EUA proclamaram 10 de julho, aniversário de Nikola Tesla, como o dia de Tesla. Sempre à frente de seu tempo, constituiu-se em um dos mariores visionários da ciência, o que torna injusta a “total escuridão” em que este homem terminou os seus dias.
Este grande gênio nasceu em 10 de julho de 1856 em Smiljan, Lika, que era então parte do Império Austo-Húngaro região, da Croácia. O pai, Milutin Tesla, sacerdote ortodoxo sérvio e a mãe, Djuka Mandic (poderíamos entendê-la como uma inventora) contribuiram de forma determinante nas escolhas futuras de Tesla.

http://www.croatianhistory.net/gif/tesla2.jpg
Tesla e sua lâmpada WIRELESS,no começo do século XX

Tesla estudou na Realschule, Karlstadt em 1873, o Instituto Politécnico em Graz, na Áustria e na Universidade de Praga quando ficou fascinado com eletricidade. A partir daí, iniciou sua carreira como engenheiro elétrico com uma companhia telefônica em Budapeste em 1881.
Mais tarde, Tesla recebeu e aceitou uma oferta para trabalhar para Thomas Edison, em Nova York. Seu sonho de infância era ir aos Estados Unidos para aproveitar o poder de Niagara Falls. Tesla começou a melhorar a linha de dínamos de Edison, enquanto trabalhava no laboratório em Nova Jersey. Foi aqui que a sua divergência de opinião com Edison sobre corrente contínua e corrente alternada começou. Apesar de muitas descobertas profícuas, as divergências entre Tesla e Edison, o fez, em 1912, recusar em dividir o Prêmio Nobel de Física entre os dois. Assim, o prêmio acabou sendo dado a outro pesquisador.

http://4.bp.blogspot.com/-UFyG4TpjLlg/Tfhq-_AgNmI/AAAAAAAAB5g/SApqRWN0LsU/s320/31piercearrow.jpg
Carro elétrico desenvolvido por Tesla,no ano de 1931
 Nikola Tesla desenvolveu o modelo polifásico alternado que conhecemos atualmente, além de realizar 40 patentes básicas dos EUA sobre o sistema. Todas estas patentes foram compradas por George Westinghouse. Foi aí que a guerra das correntes tomou corpo maior. O grande conflito era Edison (com sua corrente contínua) versus Tesla-Westinghouse (corrente alternada). Estes acabaram vencendo a batalha por que a tecnologia da corrente alternada se mostrou superior.

http://www.ccvalg.pt/astronomia/sistema_solar/terra/terra_noite.jpg

Hoje a eletricidade é gerada a partir da conversão da energia mecânica por meio de suas invenções. Contudo, é consenso entre todos aqueles que conhecem a história de Tesla e as necessidades do mundo moderno que a sua maior conquista foi o sistema polifásico de corrente alternada, que é hoje a forma como todo o globo é iluminado.
http://upload.wikimedia.org/wikipedia/commons/thumb/c/cc/Tesla_colorado.jpg/270px-Tesla_colorado.jpg
Mais de 1 milhão de volts passando pelo laboratório
Ao todo, ele registrou mais de 700 patentes mundiais. Sua visão incluía a exploração de energia solar e do poder do mar. Ele previu comunicações interplanetárias e satélites.Waldorf Astoria foi a residência de Nikola Tesla durante muitos anos. Ele viveu lá quando ele estava no auge do poder financeiro e intelectual.   Lá, organizava jantares convidando pessoas famosas que mais tarde testemunharam experiências elétricas espetaculares em seu laboratório.

http://www.brancostoysin.co.uk/Nikola%20Tesla%20photo%202.jpg

Em seu 75 º aniversário em 1931, o inventor apareceu na capa da revista Time. Nesta ocasião, Tesla recebeu cartas de congratulações de mais de 70 pioneiros na ciência e na engenharia, incluindo Albert Einstein. Estas cartas foram montados e apresentados à Tesla, na forma de um volumoso depoimento.
Tesla faleceu em 07 de janeiro de 1943 no Hotel New Yorker (Sala 3327 no 33 º piso), onde viveu durante os últimos dez anos de sua vida.

http://4.bp.blogspot.com/-3DM1VBLwTIA/TZfQVjnlMlI/AAAAAAAABIE/ocBbl8n3Pcc/s1600/nikola+8.jpg

Um funeral de Estado foi realizada na   St. John the Divine Cathedral em Nova York. Telegramas de condolências foram recebidos de muitos notáveis, incluindo a primeira-dama Eleanor Roosevelt e vice-presidente Wallace. Mais de 2000 pessoas compareceram, entre eles vários prêmios Nobel. Ele foi cremado em Ardsley on the Hudson, em Nova York. Suas cinzas foram colocadas em uma esfera de ouro, a forma preferida de Tesla, em exposição permanente no Museu Tesla em Belgrado, juntamente com sua máscara mortuária.

 Neste vídeo abaixo conta um pouco como foi Nikola tesla:


Nos livros escolares tem quase nada sobre sua história,somente contam sobre o Thomas Edison um ladrão de invenções.Sem ele não existiria nada e os banqueiros e os grandes da industria não queriam que suas invenções fossem para frente,para não irem a falência com o gás e petróleo.O carro desenvolvido por Tesla,o carro elétrico,se tivesse avançado,o mundo não estaria como hoje esquentando a cada dia,não pagaríamos conta de luz,porque a energia com a bobina de tesla,levaria energia para todo o globo com o campo magnético da Terra levando a energia sem fio,em baixo um documentário da History channel que se chama maravilhas modernas,conta como ele revolucionou o mundo:

Não foi possível colocar o vídeo aqui,porque são tantos nomes parecidos e achar o que eu quero,iria demorar muito tempo,então está a URL,para você assistir ou baixar:

http://youtu.be/kdAbQwwyF8c